Padronizações corretas de informações obrigatórias

Abaixo, seguem alguns exemplos de informações padrões adotadas no Brasil.


ENDEREÇOS

Segundo o site dos correios, devemos obedecer a uma ordem de elementos já determinada, como a que é mostrada abaixo:

Tipo de logradouro, Nome do logradouro, Número, Complemento
Nome do Bairro
Nome da localidade (Cidade/Município)/UF
CEP

Esta, porém, é uma estrutura mais verticalizada, para se colocar em correspondências, mas não é ideal para documentos tipo papelaria empresarial, folders e anúncios de varejo que precisam de uma formatação mais horizontal, como nos exemplos abaixo. Para estes casos o padrão mais comum utilizado em documentos é com os elementos separados por "," (vírgula) até o nome do bairro. Antes do nome do bairro, sempre colocamos "-" (hífen), e logo após o nome do bairro, colocamos "." (ponto). Cidade e UF, aparentemente, não tem padrão de separador, podendo ser "-" (hífen) ou "/" (barra). Por último, entra o CEP, como no exemplo fictício abaixo:

Avenida Alameda das Travessas, nº 111, Edifício Bosque do Cerrado, apartamento 2222 - Bairro dos Barris. Salvador - Bahia. CEP: 40000-000.
ou
Av. Alameda das Travessas, 111, Edif. Bosque do Cerrado, ap. 2222 - Bairro dos Barris. Salvador/Bahia. CEP: 40000-000.

Obs.: nunca separar todos os elementos apenas por vírgula.




CEP - Código de Endereçamento Postal - Criado pela EBCT em 1971

Para este, existe apenas uma forma de escrever e que está determinada no site dos Correios:
sem ponto e com hífen separador antes dos três últimos algarismos.
40060-100 (correto) e nunca 40.060-100 (parece bobagem, mas muita gente se equivoca).




TELEFONE

Telefone é uma das informações tratadas com mais descompromisso pelos designers. Aparentemente, cada profissional escreve de uma forma diferente e esta varia de acordo com a vontade ou o momento. As formas de escrita mais comuns: com hífen, com ponto, com espaço ou com nada.
Ex.: 9999-1234, 9999 - 1234, 9999.1234, 9999 1234, 99991234.



Visitei 150 sites (a maior parte de e-commerce) e as ocorrências de telefone mais encontradas foram:
Com hífen como separador
• Número de contato, com 8 a 9 algarismos (0000-0000): 99 sites
• SAC, com 10 algarismos (0800-000-000): 4 sites
Com espaço ou ponto como separador
• Número de contato, com 8 a 9 algarismos (0000.0000): 27 sites
• SAC, com 10 algarismos (0800 000 000): 7 sites

A forma que parece ser a mais correta, portanto, é a que utiliza o hífen como separador: 
9999-1234. Esta é a forma, inclusive, mais encontrada em materiais gráficos.
Para serviços gratuitos como SAC, apenas espaços: 
0800 000 000.
Para DDD, não encontrei padrão: 
71 0000-0000 ou (71) 0000-0000.
Notar que, dentre os site visitados, alguns não tinham telefone de contato, outros tinham os dois: número de contato e SAC, e apresentavam, às vezes, duas ocorrências diferentes de separador.

É bom lembrar que, números são coisas complicadas de se ler. Palavras remetem a coisas orgânicas, números, normalmente a quantidades. Ler uma palavra como "anticonstitucionalissimamente" não é tão complicado, mas ler um número com esta mesma quantidade de caracteres e sem nenhum tipo de separador é uma tarefa difícil, tanto para ler como para decorar. Números de telefone, hoje têm três, cinco, oito e até dez algarismos. Isto para não falar do DDD. É difícil entender porque a substituição de um hífen por algum outro caractere faz tanta diferença em termos estéticos para o Designer. O ideal seria que usássemos apenas um padrão de separador, para que, quando escrevêssemos um número de telefone, por exemplo, o entendêssemos de imediato como um número de telefone e não como outra coisa qualquer.
Outro detalhe é o fato de que, em um mesmo documento ou material gráfico, podemos encontrar números de estabelecimentos, telefone, horas, datas, valores e diversos outros. Cada um, com sua maneira de escrever, que deveria ser preservada. Ser inovador criando novas grafias para estes elementos, na minha opinião, só gera confusão.




DATAS

Datas podem ser escritas de três maneiras:
• 02/03/2014 - "/" como separador (padrão mais utilizado)
• 02-03-2014 - "-" como separador
• 02.03.2014 - "." como separador
Em documentos mais formais, é possível escrevê-la por extenso: 
02 de março de 2014.
A escrita do ano não deve ter ponto separador (2.014 - errado, 
2014 - correto) e pode ter apenas dois algarismos (02/03/14).
O primeiro dia do mês deve ser escrito sempre desta forma: 
1º/03/2014 e não 1/3/2014.
Por uma questão estética, o "0" (zero) pode antever a escrita do dia ou do mês: 
2/3/2014 ou 02/03/2014.




HORAS

Horas podem ser escritas de duas maneiras: com abreviação ou por extenso. Ex.:
• 9h, 10h, 11h30, 11h30min ou
• 9 horas, 10 horas, 11 horas e 30 minutos.
Em documentos, horas abreviadas dizem respeito a horários e horas por extenso dizem respeito a duração (mas podem ser utilizadas também em documentos formais). Ex.:
"
Iniciou-se às 9h um curso com duração de duas horas".
Para cronogramas de eventos (e também passagens e agendas) o correto é se utilizar os valores com o ":" (dois pontos) como separador, por uma questão de facilidade de compreensão e também por estética:
08:00 - Abertura do evento
09:20 - Palestra 1
10:35 - Palestra 2
...
Evite utilizar: H, Hs, hs, hrs. 
Apenas "h" já é suficiente.




ABREVIATURAS

Abreviaturas são palavras que precisam ser reinterpretadas para serem entendidas. O correto, portanto, seria, sempre que possível, evitá-las. Ninguém é obrigado a saber que "dag" significa decagrama e que "fs." quer dizer fac-símile, sendo assim, ninguém é obrigado a saber as abreviaturas que você sabe. A despeito disto, elas são bem vindas em determinados casos, pelo fato de já terem seu significado conhecido (quando têm) e também por delegarem o nível de importância (durante a leitura) à palavra maior (não abreviada). Listo aqui, algumas que são mais utilizadas em materiais de Design.

abrev. = abreviatura
Al. = Alameda
Av. = avenida
B = Beco
B. = Bairro
CEP = Código de Endereçamento Postal
Cia. = companhia
cm = centímetro(s)
Dr. = doutor / Dra. = doutora / Drs. = doutores / Dras. = doutoras
ed. = edição
ed., edif. = edifício
etc. = et cetera, e outras coisas, e os outros, e assim por diante
ex. = exemplar(es), exemplo(s)
h = hora(s)
kg = quilograma(s)
km = quilômetro(s)
l = litro(s)
L. = Largo
Lad. = Ladeira
m. = mês, meses
m = metro(s)
m ou min = minuto(s)
mg = miligrama(s)
mm = milímetro(s)
num. = numeral
núm., n° = número
pág., págs. = página(s)
pt = ponto
R. = Rua
s. = segundo (horário)
S.A. = Sociedade Anônima
Sr. = senhor / Sra. ou Sra.= senhora / Sras. ou Srta = senhoras / Srs. = senhores
T., Trav. = Travessa
Tel. = telefone, telegrama
v. = verbo, você
V.Sa. = Vossa Senhoria / V.Sas. = Vossa Senhorias




VALORES FINANCEIROS

Valores financeiros seguem regras simples. Ex.:
escrever os números em algarismo e não por extenso: 
R$ 2 e não dois reais, R$ 1.000 e não mil reais.
Números acima de mil são grafados com algarismos e palavras: 
R$ 3 mil, R$ 10,5 mil, R$ 1 milhão (e não R$ 1 milhão de reais).
Para valores inexatos escrevemos por extenso: "
quase um milhão de reais" e não "quase R$ 1 milhão".
Valores muito grandes podem ser abreviados em determinadas situações como, títulos, legendas, tabelas, chamadas, etc: "
Ele ganhou R$ 10 mi na loteria".
Notar que, entre o símbolo "R$" e o valor existe sempre um espaço: 
R$ 3 e não R$3.